18 de Novembro, 2021

O que é uma uveíte e quais as estruturas oculares afectadas?

Ouvir o Programa no site da TSF
Médico Oftalmologista: Marta Guedes

Pode provocar visão turva e dor intensa no olho- a uveíte é uma inflamação que deve ser vigiada e a oftalmologista Marta Guedes explica quais são os sinais de alarme:

Uma uveíte é uma inflamação localizada dentro do olho que vai afetar a íris e o corpo ciliar, que são estruturas da parte da frente, da parte anterior do olho, e a coróide que é uma estrutura localizada debaixo da retina, na parte de trás do olho.

O doente pode sentir a visão turva, pode ver “mosquinhas” ou fios a passar à sua frente, ter dor ocular que pode exacerbar-se com a luz por exemplo, e pode ainda ter o olho vermelho.

Esta inflamação vai afetar apenas um olho ou os dois olhos simultaneamente e, ao contrário daquilo que acontece, por exemplo numa conjuntivite, não existe secreção e a dor é geralmente bastante intensa. 

Estas uveítes podem ser uma manifestação intraocular de uma doença sistémica autoimune, – como por exemplo a espondilite anquilosante, a doença de Crohn, a sarcoidose. Ou então, estar associada a uma doença infeciosa como por exemplo a sífilis ou a tuberculose. Havendo tantas causas possivelmente relacionadas com o aparecimento deste tipo de inflamação, é preciso que haja uma investigação inicial e que sejam excluídas estas mesmas causas ao mesmo tempo que se inicia o tratamento da inflamação ocular. 

Portanto, se o doente já foi diagnosticado com uma situação destas ou tem uma doença autoimune ou infeciosa que possa estar associada à uveíte, então deve estar atento aos sintomas de alarme e não hesitar em procurar o seu médico oftalmologista.

No programa de amanhã falamos sobre uveítes nas crianças.

Com o apoio da Sociedade Portuguesa de Oftalmologia.